Afastada pela Justiça, vereadora Elka contrata advogado renomado

Publicado em 20 de dezembro de 2010

Considerado um dos juristas da área eleitoral cujos serviços profissionais são oferecidos a valores bem elevados, Inocêncio Mártires acaba de ser constituído pela vereadora Ismaelka Queiroz (PTB) para defendê-la em duas frentes.

A primeira, de imediato, tentar reformar sentença da juíza Elaine Neves de Oliveira, da 3a Vara Cível de Marabá, que a afastou, cautelarmente, da Câmara Municipal, por ato de improbidade administrativa, depois de denunciada´pelo blog usando indevidamente carro do Legislativo.

Em outra situação, o advogado acompanhará os trabalhos da Comissão Apuradora criada pela CMM com objetivo de apurar as denúncias.

A vereadora deverá permanecer em Belém, esta semana, ao lado de Inocêncio Mártires, tentando reverter, no Tribunal de Justiça, a setença da juiza de Marabá.

Em sua decisão, atendendo Ação Civil Pública movida pelos promotores  Mayanna Silva de Souza Queiroz e Luiz Gustavo da Luz Quadros, a Justiça determinou bloqueio de todos os bens em nome de Ismaelka Queiroz, e o afastamento dela das funções no parlamento, “pelo prazo de instrução processual”.

A mesa diretora da CMM já foi notificada de decisão judicial, convocando o primeiro suplente  Francisco Cândido Pereira, popularmente chamado de “Chico do Flamengo” para ocupar o lugar de Elka.

Para acompanhar o Caso Elka, é só clicar nos links sugeridos.

Aqui Aqui.   Aqui.   Também Aqui.    E aqui.