Acordos

Publicado em 31 de janeiro de 2007

Em outro cenário, João Salame não descartaria – inviabilizada suas articulações para tornar-se candidato de Sebastião Miranda -, uma composição com Asdrúbal Bentes. Dificilmente, mas não impossível – como tudo em política! -, facilitaria recuos diante de uma negociação com o Partido dos Trabalhadores. Em Marabá, nos últimos anos tem sido sempre assim, os dois partidos – PPS e PT -, andando em campos opostos.
Uma coisa é certa: dependendo de como se comportará na Assembléia Legislativa, João Salame exercerá papel importante na eleição municipal. Se conseguir engrossar fidelidade em torno de seu nome como conseqüência do desempenho legislativo, certamente é um nome a estar na lista de apostas.