Hiroshi Bogéa On line

A pesquisa da Veritate – 3

Alem da liderança de Maurino, o fato novo na pesquisa são os significativos 10% obtidos pelo deputado João Salame, em empate técnico com Bernadete, e um detalhe: sua rejeição é a menor de todos os nomes entrevistados. Menor até mesmo que a de Italo Ipojucan, reconhecidamente um cara boa-praça.
Conheço o Salame. É obstinado. Planeja tudo o que faz. Ele planejou sua vitória a deputado. Com poucos recursos, sem família tradicional na política, sem nenhuma secretaria na prefeitura ou máquina de prefeitura o apoiando, ele chegou lá. Não convém subestimá-lo.
Mas, não sei se por estratégia, o jovem deputado tem sido de grande humildade. Ostentando os índices aferidos na pesquisa, já poderia estar se lançando candidato. No entanto, diz a quem quiser ouvir que seu candidato preferencial é o vice-prefeito Italo Ipojucan. Tem pregado com insistência a tese de que Marabá precisa de um novo grupo político. E de que Ítalo é o nome da vez. Mas sei que existe um acordo entre os dois. Caso o vice-prefeito não decole Salame seria o candidato.

Post de 

4 Comentários

  1. Anonymous

    21 de junho de 2007 - 16:09 - 16:09
    Reply

    O Tião, Hiroshi, está morrendo de medo, embora aparente indiferença quanto à sucessão dele.É que se entra alguém que peça, a seguir, uma auditoria nas contas da prefeitura, o Tião pode acabar tendo problemas com a justiça e o Tribunal de Contas.
    Por isso ele finge namorar o asdrúba, ameaça lançar o menino dos seus olhos, Rogério, à prefeitura, e vai passar a mão na cabeça de qualquer um ou uma que apresente chance de vencer a eleição. Poderá até apoiar alguém nos bastidores, aparentando isenção, tudo para que alguém não venha mexer na história do Fundef, do cais de arrimo, das pavimentações feita pelo sócio dele,Construfranco.

  2. Anonymous

    21 de junho de 2007 - 12:49 - 12:49
    Reply

    Pelo que soube nos bastdiores, o Tião está indeciso entre Asdrubal Bentes e o Salame. Este último, caso não seja ele o candidato do prefeito ,indicaria o vice ou uma vice na chapa de Asdrubal.Pelo menos é o que a família de Tião acha que poderá acontecer. Pelo que conheço o galego essa proposta soaria indecente.

    Otacílio- Marabá.

  3. Anonymous

    21 de junho de 2007 - 11:23 - 11:23
    Reply

    Olha, Hiroshi: Este Nilson aí é o Santos, empregado do Salame.
    Dia desses o deputado juntou seus trabalhadores na redação e mandou rastrear e votar favoravelmente a seu nome em qualquer pesquisa feita por blogueiros em Marabá ou região.
    Assim não vale.Por outro lado, se o Salame acha que terá apoio do prefeito, pode tirar o cavalo da chuva.
    O Tião zinha não gosta dele desde que trabalharam juntos com Haroldo Bezerra e foram ambos dispensados após acusação de coisa errada mas não provada, em 1993. Depois só o Tião zinha retornou à secretaria de Obras.O Salame nunca mais botou os pés na secretaria de Imprensa.

  4. Nilson

    20 de junho de 2007 - 20:38 - 20:38
    Reply

    Hiroshi,
    O João Salame é um nome forte para a sucessão em Marabá.
    Astuto e perspicaz ele vai comer pelas beiradas.
    Isso eu acho bom para Marabá.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *