À hipocrisia, chineladas

Publicado em 3 de agosto de 2008

Causa náusea nota da Assessoria de Comunicação do TJE tentando “explicar” o escândalo que se transformou o prédio do fórum de Justiça de Marabá, sobrevivente ninguém sabe até quando, de seguidos cai-não-cai – e sob forte suspeita do processo licitatório da obra ter beneficiado construtora do filho de um ex-presidente do Tribunal de Justiça.

A nota é mais escandalosa do que o escândalo em si.

Amanhã, ponto por ponto, aqui no blog.