A fala do deputado

Publicado em 16 de fevereiro de 2010

Chama a atenção do blog alguns trechos de extensa entrevista do deputado estadual João Salame (PPS), concedida a um periódico de Marabá.

Como a publicação não tem edição digital, impossibuilitando lincar seu conteúdo, segue resumo do que diz o parlamentar:

1- Avaliação popular
Segundo Salame, pesquisa encomendada pelo Palácio dos Despachos, o aponta em 7o lugar em todo o Estado:

Eu, quando me elegi, minha colocação foi 63o lugar, só me elegi por que o coeficiente  do meu partido era pequeno. Na pesquisa que o governo do Estado encomendou, hoje eu  estou em 7o lugar em todo o Estado; nosso trabalho cresceu muito, tenho muitos prefeitos que apóiam e vereadores. Hoje estou com 70 vereadores e 4 prefeitos. Quando fui candidato, tinha um prefeito e dez vereadores.

2- Disputa proporcional

João Salame não descarta disputar cargo majoritário, mas prioriza a reeleição:

Meu partido PPS, em reunião, cogitou que meu nome seria um dos prováveis a concorrer a cargo de vice-governador do estado, não só do PPS, como também de outros partidos aliados – mas estou trabalhando para minha reeleição


3- O sonho não acabou 

 O deputado marabaense quer ser, um dia, prefeito do município:

Tenho, sim, o sonho de ser prefeito de Marabá. Não nasci prefeito, não sei se vou morrer político, se não for da vontade de Deus, volto para a minha profissão para trabalhar com dignidade, garantindo a sobrevivência da minha família, mas se Deus e o povo me derem a oportunidade de ser um dia prefeito, darei o melhor de mim.

4- Gestão Maurino Magalhães

João Salame passa um pente-fino na administração de Maurino Magalhães, desqualificando a atuação do prefeito, mas garante não ter em suas críticas nenhum ressentimento político:

A insatisfação não é do deputado João Salame e sim da grande maioria da população, principalmente dos próprios eleitores dele. Acho que a grande insatisfação é porque o prefeito prometeu demais, tudo ia mudar radicalmente, nada disso aconteceu (…). Não fiquem pensando  que eu torço para ele fazer um mandato ruim, pelo contrário, , a cidade só tem a ganhar se o prefeito acertar o caminho de uma boa administração.