Hiroshi Bogéa On line

A classe pobre vai ao paraíso

A classe C ampliou sua participação para 49% da população brasileira em 2009, ano marcado pela crise financeira global, ante 45% no ano anterior. Já as classes A/B subiram de 15% para 16%, enquanto as D/E caíram de 40% para 35% do total, de acordo com pesquisa divulgada nesta terça-feira pela Cetelem, financeira do grupo francês BNP Paribas, em conjunto com a Ipsos.

Nos últimos cinco anos, a classe C ganhou 30,2 milhões de consumidores. Já os segmentos D/E perderam 26,1 milhões.

Entre 2008 e 2009, a renda familiar média mensal caiu nas classes A e B de R$ 2.586 para R$ 2.533, mas subiu na C (de R$ 1.201 para R$ 1.276) e nas D/E (de R$ 650 para R$ 733).

Mais dados.

——————–

atualização às 16:00

A renda média das famílias brasileiras em 2009 alcançou o recorde de R$ 1.285,00. A conclusão é da pesquisa Observador Brasil 2010, feita pela Cetelem (financeira do grupo francês BNP Paribas) e pelo instituto de pesquisa Ipsos.

Leia mais.

Post de 

4 Comentários

  1. Anonymous

    7 de abril de 2010 - 10:42 - 10:42
    Reply

    Enquanto um se preocupa com criar a familia e custo de vida;dois se preocupam em quem é menos pior na política. Essa é a diferença!

  2. Anonymous

    7 de abril de 2010 - 00:42 - 0:42
    Reply

    O anonimo das 15:09 está ganhando US$ 639.00, o atual salario minimo equivale a US$283,33.
    Na época do FHC o minimo equivalia a US$ 64.00 (dolar a R$ 3,70) portanto mantida a mesma proporcao o mesmo estaria ganhando hoje R$ 534,00.
    Isto quer dizer que hoje a classe assalariada teve seu poder aquisitivo dobrado no governo do PT.

  3. Prof. Alan

    7 de abril de 2010 - 00:33 - 0:33
    Reply

    Ao Anônimo das 15:09, só digo que se o governo fosse da turma do PSDB você estaria ganhando 500 reais e a carne custando 25 reais o quilo…

    Ao Hiroshi: parafraseando Paulo Henrique Amorim, "bye bye Serra 2010"…

  4. Anonymous

    6 de abril de 2010 - 18:09 - 18:09
    Reply

    PARAÍSO ????Com carne à R$10.00 o Kg,Feijão e açucar mais de R$2.00 o Kg,gasto no mínimo R$5.00 de transporte todo dia,remédio prá criança um absurdo. Você sabe o que está falando ? Eu sei,ganho R$1.150.00 /mês e não estou em nenhum paraíso.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *