Hiroshi Bogéa On line

Operação do MP faz apreensão na casa do prefeito de Marabá

Uma pasta contendo documentos contábeis com relação de fornecedores e programação de pagamentos, além de uma agenda da esposa do prefeito, Abiancy Cardoso Salame, foram os itens apreendidos pela chamada  operação “Teia de Penélope”, ocorrida na manhã desta quinta-feira, 20, na residência do prefeito João Salame.

Embora tenham vasculhados todas as dependências da casa, agentes do Ministério Público Estadual, sob o comando do procurador de Justiça Nelson Pereira Medrado, coordenador do Núcleo de Combate à Corrupção e à Improbidade Administrativa do Ministério Público Estadual, nada mais levaram.

Além da casa de Salame, mandados judiciais foram cumpridos  no Hospital Municipal de Marabá, Hospital Materno Infantil, Prefeitura Municipal, Secretaria Municipal de Saúde, Aeródromo Aero Helinorte, no Km 8 da Transamazônica, residência de Cláudio Cabral de Oliveira, na Folha 15; residência de Cleuton Costa Nery, também na Folha 15; Juta Táxi Aéreo; sede do PROS, em Belém; Secretaria Municipal de Administração, bem como em residências de outros investigados.

A operação investiga denúncias de fraudes em licitações públicas de gases, operado por um grupo de empresários e funcionários públicos, em Marabá e Parauapebas.

 

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *