Hiroshi Bogéa On line

JBS e Apae de Marabá firmam parceria para capacitação e inclusão de jovens

Apresentação do projeto para alunos, familiares e equipe Apae.
Apresentação do projeto para alunos, familiares e equipe Apae.

A  JBS e a  Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Marabá – APAE, firmaram paceria para realização de uma Oficina de Trabalhos Experimentais que visa a capacitação de pessoas com deficiência para o exercício de funções já existentes na empresa, aperfeiçoar e oferecer educação continuada para o trabalho e aperfeiçoar as habilidades cognitivas, motoras e psicossociais de cada aluno.

A primeira Oficina iniciou com uma turma de 15 alunos e está sendo conduzida diretamente pela Pedagoga da APAE – Enilva Maria Belém Rosa e Terapeuta Ocupacional da JBS – Sarah Santos, contando ainda com a participação indireta de uma equipe multidisciplinar de profissionais da JBS e APAE (RH, Time de Liderança, Ergonomia, Serviço Social e Psicologia).

No dia 02 de junho foi realizado o primeiro encontro da JBS e APAE de Marabá  com a participação  dos alunos e seus familiares para apresentar a equipe.

A JBS  expôs o trabalho da empresa e o objetivo da parceria, onde os familiares presentes aderiram a proposta assinando o termo de autorização para participação dos seus filhos nesta capacitação.

Dando sequência no cronograma, no dia 13 de junho foi realizada a aula inaugural; a primeira de muitas que marcarão os próximos 6 meses de capacitação destes alunos, onde foram expostos os compromissos que cada um terá que cumprir, expectativas, entrega de brindes e um delicioso lanche para selar este momento mágico e rico de experiências para todos presentes.

A Diretora da APAE, Maria do Socorro Cavalcante revela a importância da oportunidade para os alunos da instituição: “É indiscutível a importância das contratações de profissionais com deficiência para a economia do Brasil. Além da geração de emprego, a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho contribui para trazer dignidade a essas pessoas. Ao incluí-las, não estamos apenas ofertando um salário, mas também a oportunidade de se reabilitar socialmente e psicologicamente”.

A APAE de Marabá ao longo de 04 anos já garantiu a inclusão de 21 jovens  no mercado, em diversos postos de trabalhos e empresas através do Projeto Profissionalizante.  ( Assessoria de Imprensa JBS)

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *