Tocha olímpica chega a Belém dia 15 de junho

Publicado em 17 de maio de 2016

Belém receberá a tocha olímpica dia 15 de junho, como parte do roteiro nacional que inclui mais de 300 cidades pelo Brasil, antes das Olimpíadas do Rio de Janeiro, de 5 a 21 de agosto.

Ao longo de 95 dias, 12 mil pessoas participarão do revezamento da Tocha Rio 2016.

Com a tocha olímpica nas mãos, pessoas que fazem a diferença no esporte, escolhidas pelo Comitê Olímpico Brasileiro, vão envolver o país no clima dos jogos.

Belém será a segunda das cidades na rota aérea, que percorrerá 10 mil milhas em trechos das regiões Norte e Centro-Oeste, entre Teresina e Campo Grande.

Uma reunião na Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), com a participação de representantes de órgãos do Governo e Prefeitura, definiu o roteiro do percurso, que terá 32 quilômetros, do Estádio Olímpico do Pará até o Portal da Amazônia; e iniciou as discussões em torno da logística e segurança do evento.

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) chegará a Belém trazendo todo o aparato para a cerimônia do revezamento da tocha às 09:45 do dia 15 de junho, uma quarta-feira.

Em seguida, eles serão conduzidos, em dois comboios escoltados por um forte esquema de segurança, até o Estádio Olímpico do Pará, onde será iniciado o revezamento da tocha olímpica até o Portal da Amazônia. Cento e sessenta e dois paraenses estão sendo selecionados pelo COB para levarem a tocha e a relação dos condutores só será divulgada no dia 14 de junho, véspera do evento.

Cada condutor levará a chama por cerca de 200 metros e o primeiro deles, a acender a tocha olímpica no Mangueirão, por volta das 10:15 da manhã, já recebeu o convite do Governo do Estado: o ex campeão mundial de MMA, Lyoto Machida.

O estádio abrirá os portões para o público a partir das 8 da manhã e grupos de carimbó estarão fazendo a preliminar da festa até a chegada dos representantes do Comitê Olímpico Brasileiro. “É uma honra para nós, paraenses, poder proporcionar ao público essa oportunidade de ver de perto a tocha olímpica, um símbolo tão importante do esporte mundial”, disse a diretora de eventos da Secretaria Executiva de Esportes e Lazer (SEEL), Ana Júlia Chermont.

A Prefeitura Municipal de Belém faz parte da coordenação operacional e logística da programação, junto com o Governo do Estado. “A população está na expectativa de uma grande festa, para o recebimento de um símbolo olímpico, na realização da primeira Olimpíada no Brasil. Estamos trabalhando em uma força-tarefa, com órgãos do Governo, para garantir a segurança do evento”, disse Deivison Alves, secretário municipal de Esporte e Lazer.

Na próxima sexta-feira, 20, uma nova reunião vai definir detalhes sobre o esquema operacional e dia 1º de junho, será feita uma simulação pelas ruas do percurso.

De Belém, a tocha olímpica vai para Macapá e no dia 17, retorna ao Pará, dessa vez em Santarém. (Por Syanne Neno)