Marabá sediará Conferência Internacional sobre Reforma Agrária

Publicado em 12 de abril de 2016

Este ano rememora-se o 20º aniversário do Massacre de Eldorado dos Carajás, onde 19  camponeses Sem Terra foram assassinados em sua luta legítima pela terra.

Esse fato ocorreu no dia 17 de abril de 1996 e, desde então, a Via Campesina constituiu essa data como Dia Internacional das Lutas Camponesas.

Portanto, diante desse marco de memória e resistência que organiza a Conferência Internacional de Reforma Agrária, a qual busca atualizar o debate sobre esta temática junto aos seus membros e aliados, como a Marcha Mundial de Mulheres, World Forum of Fisher People, Organización de Pueblos Indígenas, CIP, Fian Internacional, Grain, ETC, LRAN e Amigos de la Tierra Internacional.

A Conferência será realizada entre os dias 13 e 17 de abril no estado do Pará, em Marabá. Entre as principais mesas de debate estão: Estudo sobre a natureza do projeto do capital e do agronegócio; a natureza do projeto de reforma agrária popular e os desafios do movimento camponês e trabalhador na construção de uma agenda de ação comum.

O evento contará com a presença de 200 delegadas e delegados da África, Ásia, Europa, Oriente Médio e das Américas, os quais finalizarão esta atividade com um ato internacional de solidariedade, mística e justiça que se realizará no dia 17 de abri em Eldorado dos Carajás, na “Curva do S”, onde ocorreu o Massacre de Eldorado dos Carajás.

Para a Via Campesina a questão da terra é central na luta pela Soberania Alimentar e é por isso que considera importante gerar um espaço de reflexão e construção coletiva, diante do contexto de acumulação, desapropriação, fome e criminalização que vive o campesinato em sua luta pelo acesso a este bem comum. (Assessoria de Imprensa da VC)