Hiroshi Bogéa On line

25 kg de drogas apreendidos no aeroporto de Belém

A Polícia Federal deflagrou, neste sábado, 14, a operação Olassá a fim de desarticular uma quadrilha especializada no tráfico internacional de drogas.

Uma pessoa foi presa no Aeroporto Internacional de Belém, ontem, quando tentava embarcar para Europa.

A organização criminosa utilizava “mulas” para fazer o transporte dos entorpecentes para a Europa. A droga era escondida na bagagem e, se o transporte fosse realizado com sucesso, o atravessador receberia o equivalente a R$ 20 mil. Cada viagem podia render até R$ 500 mil para a quadrilha.

Na noite desta sexta-feira, 13, segundo a polícia uma pessoa suspeita de fazer parte da quadrilha foi presa ao tentar embarcar para Portugal, com seu filho de 5 anos.

De acordo com a PF, após denúncia, identificou-se que o chefe da organização criminosa era proprietário de uma barraca de praia em Lauro de Freitas (BA), e usava o estabelecimento para aliciar pessoas – as chamadas “mulas” – para levar a droga em viagens aéreas. Ele também era o responsável por providenciar os passaportes, as passagens e ainda fornecia os euros para custear as despesas da viagem.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *