Hiroshi Bogéa On line

128 pessoas integram a Guarda Municipal

 

 

A Guarda Municipal de Marabá, oficialmente implantada esta semana, conta com  128 homens,  com objetivo de atuar nas ruas da cidade auxiliando órgãos de segurança pública, como policia civil e polícia militar.

Onze mulheres integram o contingente.

Coronel Antônio Araújo,  Secretário de Segurança Institucional, é quem comanda a guarda que foi formada pelo Iesp (Instituto de Ensino de Segurança Pública do Pará),responsável pela formação da Policia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros . “Nossa guarda está muito bem formada e preparada para cumprir seu papel constitucional, de proteger o patrimônio público, mas também para estar ombreando com os demais órgãos de segurança do Estado”, garante  Araújo.

A Guarda Municipal é constituída também por um grupo especial  de trinta homens  treinados para atuar em situações mais complexas, como desocupação de áreas urbanas, reintegração de posse de terra e outras ações que exijam uma maior especialização.

A Guarda Municipal terá três uniformes. O diário será na cor azul; o de passeio será uma camisa, em tom parecido; e do grupamento especial será um uniforme rajado.

Segundo a legislação nacional, a atuação das guardas municipais inclui o poder de polícia, com autorização para utilização de arma de fogo, não apenas para sua defesa pessoal, mas também para ações no dia a dia.

O prefeito de Marabá Maurino Magalhães afirmou que o número de guardas ainda é pequeno  para o tamanho do município de Marabá, mas que em breve novos concursos serão abertos e o efetivo vai aumentar gradualmente.

Post de 

11 Comentários

  1. Felipe alan

    18 de junho de 2012 - 15:15 - 15:15
    Reply

    Impressionante como ai em maraba uma das cidades mais violenta do pais o pessoal esta criticando e dispensando mais uma força para colaborar na segurança deste municipio, caro amigos quero que saibam que aqui em belem a guarda municipal tem um papel muito importante na segurança de nos cidadao, amigos valorizem sua guarda municipal.

  2. joao pedro

    16 de abril de 2012 - 14:48 - 14:48
    Reply

    carlos alberto vai se atualizar mais em relação as gms o governo federal está cansado da rotina de nossa policia , a sociedade tem é medo da policia atual porcausa de seu unica forma de trabalhar a represiva , e a preventiva a onde está? será se so em marabá que vai da errado , so o maurino que esta errado em criar essa guarda o resto do brasil que tem gm que vem dando super certo tbm estão errado, coloque uma coisa em sua cabeça seja racional gms de todo Brasil tem uma politica de ser parceira da sociedade deixando os problemas mais complexos p/ pm e nao substitui a pm , isso é fato todas as cidades que possuem gm a sociedade confia mais e 80% das ocorrencias chamam pela gm mesmo sendo melhor naquele momento a pm , civil etc esse ligação não e de graça e frutos de trabalho, poderiamos sim ter so uma policia que faz tudo , excluindo , pm , federal ,civil, gm etc mais seria preciso acabar com a suas tradições , e tradição meu parceiro e um vinculo ruim de se acabar por isso a gm esta invadindo o brasil e assim como nos eua que a policia e municipalizada o brasil esta indo para o mesmo rumo , cabe o municipio com o governo federal da suporte para gms e isso que esta acontecendo.

  3. Luis Sergio Anders Cavalcante

    5 de abril de 2012 - 15:33 - 15:33
    Reply

    Quero crer que a recem incorporada GM, deverá sim, ajudar e/ou complementar uma lacuna faltante na segurança pública. Irão acabar os problemas ? Não. Acredito, porém, que deva melhorar por pouco que seja. E isso, já será um ganho. O poder de polícia principálmente, deverá ser monitorado de perto pelos inspetores para evitar os excessos. Quanto ao específico trabalho de proteção/conservação do patrimonio público deverá enfrentar muitos adversarios consideraveis (vândalos etc…), posto que, antes de mais nada, o vandalismo é questão cultural – ou a falta dela. Aguardemos. Em 05.04.12, Marabá-PA.

  4. Anônimo

    5 de abril de 2012 - 12:06 - 12:06
    Reply

    PESQUISA DO POVO. Tião 50%,Maurino 30%,Salame 13%,Luis,Miguel 10% ,Italo 3%, Jorge 2%.

  5. Anônimo

    5 de abril de 2012 - 09:52 - 9:52
    Reply

    Carlos Alberto do Tião do Não,tudo que o Maurino faz vc Bota defeito,vai tomar coramina.Maurino está realizando tudo que os outros não tiveram coragem e compêtencia de faze-lo.já viu a pesquisa no correio tocantins,vc teve ser um desses que acreditam que esta não foi comprada pelo povo do Jatene.peça nº 1 ,contra a criação do nosso almejado estado.

  6. Chico Preto

    4 de abril de 2012 - 23:14 - 23:14
    Reply

    Araújo,
    Taí, uma otima oportunidade, pra meter uma farda no Lapeta. O único problema, será, a escolha de sua patente: Se cabo ou Capitão Lapeta ! Aí, amigos, não quero nem pensar, o que aconteceria !

  7. Carlos Alberto

    4 de abril de 2012 - 23:04 - 23:04
    Reply

    Ao, ” Agente da GM ”
    Seu, comentário, é mais uma opinião,( pessoal ), natural,se levado em foco, a defesa dos seu proprio interesse. Porém, considero, mais uma aventura, como tantas, que não vingaram nesse desgoverno. E essa da GM, inventada
    pelo aposentado Araújo, visa apenas sua promoção pessoal, pensando na sua candidatura para a câmara municipal. É, sem dúvidas, mais, uma sangria nas finanças do nosso Municipio, que, a muito está na UTI. Podem, conferir, quantas atrocidades serão cometidas por essa gente, que trazem consigo o estigma do autoritarismo. O que precisamos, é de uma polícia militar e civil, mais bem preparada e com matérial bélico, compativel com nossa realidade. Na, minha avaliação, vamos ter frequentemente desvio de direitos e deveres, com a possibilidade de enfrentamento entre as tradicionais instituições de segurança e essa tal GM. Portanto, considero, com cidadão Marabaense, que essa GM, já nasce, fadata ao insucesso, levando mais ainda, o Maúrino, para o fundo do poço. Vamos esperar, o tempo ( breve ) mostrará, que essa é mais uma manobra de quem vive subestimando nossa sabedoria. Peço, que me desculpem, se estou sendo pessimista. Aguardemos, os fatos !

  8. João Silva

    4 de abril de 2012 - 21:39 - 21:39
    Reply

    O anonimo das 9:34 e um daqueles que critica por criticar, pois o mesmo não tem discernimento para saber que a maior preocupação do povo se chama segurança, principalmente na nossa cidade que diferentemente de outros centros não tem nenhum lugar em que a gente transite tranquilo.
    A vantagem de se ter uma guarda municipal e que teremos uma policia local que conhece as pessoas e mais facilmente identificam os problemas de segurança e consequentemente ajudara a policia estadual no combate a criminalidade.
    Esta guarda não esta sendo criada por caprichos do prefeito e sim por uma politica nacional visando criar policias locais para quebrar o estilo militarista das policias herdados do periodo de influencia dos facistas.
    Bem vinda a Guarda Municipal que prestara excelentes serviços a Maraba.

  9. um agente da gm

    4 de abril de 2012 - 15:44 - 15:44
    Reply

    caro amigo que fez o infeliz comentario anonimo,

    em primeiro lugar gostaria de esclarecer que, formos formados pela academia que é referencia nacional em formação de agentes de segurança publica que forma varias policias como: policia civil, oficiais pm e bm entre outras, provalvelmente seu problema deve ser pessoal com o prefeito maurino, o que não lhe dar o direito de por em cheque uma instituição que o senhor ou senhora ainda nem viu atuando, e que deus o livre futuramente pode estar salvando sua vida ou até mesmo de seu filho, irmão, pais e amigos. Então espere, veja primeiro o nosso trabalho e depois se for o caso faça suas craticas ou elogios com razão. desculpe se me axaltei em algum momento!

  10. Luis Sergio Anders Cavalcante

    4 de abril de 2012 - 12:09 - 12:09
    Reply

    Hiro, em sendo assim, quando os serviços iniciarem por exemplo, na Praça Duque de Caxias e imediações do antigo prédio da Câmara Municipal, o necessario afastamento dos elementos, em número de 12(mínimo), que compõem a cracolândia alí instalada. Durante o dia se passam por guardadores/lavadores de carros. O dinheiro (trocados) conseguido durante o dia é usado para compra e consumo da droga durante a noite. Se faz urgente uma ação coibitiva, mesmo pq. em seu meio existe um menino de 11/12 anos. O outro que existia, foi morto ano passado, por um casal que lhe ateou fogo e se encontra no CRAMA. Vai aí, alguns dos apelidos dos usuarios de crack da Praça : Negão, Buiú, Tiririca, Rafael, Thiago, Magrão e Pinochio(criança). Em 04.04.12, Marabá-PA.

  11. Anônimo

    4 de abril de 2012 - 09:34 - 9:34
    Reply

    Hiroshi, morro de medo desse povo, ora, se a PM e a PF que têm academias e outros instrumentos de treinamentos e cometem o que todos sabemos, imagina o que essa turma de ‘soldados do maurino’ não irão fazer.

    É mais um ralo para jogar fora nosso dinheirinho que poderia ir pra saúde, pra infraestrutura ou para a segurança real.

    Pobres de nós, mortais marabaenses, será que merecemos tanta coisa ruim ao mesmo tempo? Credo! Até parece que jogamos pedra na Cruz…..

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *