Hiroshi Bogéa On line

Vereadores rejeitam afastamento da prefeita de Curralinho

A Câmara Municipal de Curralinho, no Marajó, votou na manhã desta sexta-feira, 1º, o processo que pedia o afastamento da prefeita do município, Maria Alda Aires Costa (MDB), acusada de irregularidades na compra e distribuição da merenda escolar no município.

Por seis votos a favor e quatro votos contra, os vereadores decidiram que a prefeita deve continuar no cargo. Paralelamente, segue na Câmara a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apura o desvio de produtos dos órgãos públicos municipais.

Em junho, um servidor foi afastado por desviar material de limpeza e higiene para vender no comércio local.

O pedido do afastamento tinha sido feito pelos vereadores Hélio dos Santos Monteiro, Waldecy Correa Machado, Raimundo dos Anjos Sá e Antônio Amoroso Pereira Correa.

A sessão ficou lotada por moradores de Curralinho, que chegaram de várias localidades do município para acompanhar a votação. Após o resultado, houve um princípio de tumulto por parte de opositores da prefeita, que queriam a cassação.

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *