Hiroshi Bogéa On line

Quem será esse pastor, gente?!

Do jeito que o Barata postou em seu blog, reproduzimos:

DENÚNCIA – Deputado-pastor sob suspeita
Instituto Social Amazônico. Esta é a entidade sob suspeita de servir de álibi para um parlamentar, que é também pastor, se locupletar, bancando seu proselitismo eleitoral com recursos do erário. O nobre deputado é conhecido pela súbita evolução patrimonial e pela inocultável inclinação pela vida mundana, com ênfase para jovens de vida airada e bebidas fortes. Reza a lenda, aliás, que dormita em uma ilustre gaveta na antiga avenida 25 de Setembro, agora Romulo Maiorana, um vídeo no qual o probo senhor participa de um animado trenzinho, com aqueles tipos de moças que trabalham deitadas e descansam em pé.

O deputado é uma das lideranças mais cintilantes de uma dessas igrejas suspeitas de, a pretexto de cultuar Deus, do nome deste valer-se, para explorar a boa-fé de fiéis incautos, em geral ignorantes e simplórios, para garantir a prosperidade de seus principais pastores.

São citados, como indícios de tramóias, pelo menos dois convênios celebrados entre a Asipag, a Ação Social Integrada do Palácio do Governo, e o tal Instituto Social Amazônico.

Em um convênio, a pretexto de um projeto denominado Esporte e Qualidade de Vida, a entidade do pastor-deputado embolsou R$ 300 mil do governo do Pará. Em outro, o instituto foi beneficiada com R$ 40 mil, para o projeto Música e Arte em Qualquer Parte.
 
—————-
 
Nota do Blog: quem acertar o nome do deputado-pastor ganha uma “Cesta  Ano Novo”, formada por poções de encantamento para  trazer energia positiva e, quem sabe, até ajudar a realizar alguns sonhos: lentilhas, romãs, bagos de uva, nozes, avelãs, castanhas e tâmaras.
Post de 

4 Comentários

  1. Plinio Pinheiro Neto

    31 de dezembro de 2010 - 15:07 - 15:07
    Reply

    Caro Hiroshi.
    Lamentável sob todos os aspectos o que nos revela a nota de teu blog a respeito da conduta de um pastor e deputado. Na verdade existe muita gente vivendo à custa de DEUS, comercializando a salvação, mostrando a figura de um deus mascate, que troca a concessão de suas bênçãos por bens materiais e isso tem fomentado o surgimento de uma multidão de mutilados espirituais, que, por não alcançarem os seus objetivos por esse caminho (da matéria) ficam descrentes e arredios, sem buscar e encontrar o verdadeiro caminho, que é JESUS, que nos diz: "EU sou o caminho, a verdade e a vida e ninguém vem ao PAI senão por mim”. Estas pessoas pensam que podem enganar a DEUS, porém nos é dito em Gálatas 6.7 "não vos enganeis, de DEUS não se zomba”. Podem enganar a muitos, por muito tempo, mas não a ELE. Servir a DEUS é o maior prazer que o homem pode alcançar e servi-lo por gratidão ao que ELE fez por nós e não em busca de bens materiais. Estes nos são concedidos pela Sua misericórdia, pois a palavra nos diz: "buscai em primeiro lugar o Seu reino e Sua justiça e as demais coisas vos serão acrescentadas”. Isso é: caminhando do espírito para a matéria e não da matéria para a matéria. Servir a DEUS é ao mesmo tempo muito fácil e muito difícil, pois para agradá-lo basta fazer o que manda a Sua Palavra, pois JESUS nos diz: "se quereis ser meus amigos, fazei o que Vos mando”. Agora, difícil é abandar-se dos prazeres mundanos, da ditadura da carnalidade e viver a busca da santidade aconselhada pelo Senhor que nos determina: "sede santos, porque Eu sou santo”. Isso não acontece do dia para a noite, é uma conquista diária, quase segundo a segundo, já que a Bíblia nos fala: "a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando, mais e mais, até ser dia perfeito" e também: "Aquele que começou em nós a boa obra, haverá de completá-la até os dias de Cristo Jesus”. O homem tem de escolher entre ser rico apenas materialmente ou ser rico espiritualmente e próspero, ou seja, suprido por DEUS em suas necessidades espirituais e materiais.
    A conduta idêntica a que descreves em tua nota conduz o homem ao caminho da perdição e do castigo eterno, ainda mais se tem a responsabilidade de guiar o rebanho de DEUS. DEUS é muito duro quanto a isso e nos é dito em Habacuque: “Ai daquele que acumula o que não é seu” (Hc 2.6b) e mais: “Ai daquele que ajunta em sua casa bens mal adquiridos” (Hc 2.9ª) e ainda: “Porque a pedra clamará da parede e a trave lhe responderá do madeiramento” (Hc 2.11).DEUS está dizendo pelo seu profeta, que a própria casa cairá sobre os que se aproveitam do que não é seu. Através do profeta Jeremias o SENHOR também admoesta os seus servos quanto a retidão: “Como a perdiz que choca ovos que não pos, assim é aquele que ajunta riquezas, mas não retamente; no meio de seus dias as deixará, e no seu fim será insensato” (Jr 17.11).
    Creio que a Mão de DEUS já pesou sobre este homem e ele ou não entendeu, ou não quis entender, para não ter de afastar-se das coisas que agradam a sua carne e à sua ambição material, que por certo são mais preciosas para ele do que o amor de DEUS. Lamentável!
    Atenciosamente.
    O amigo.
    Plinio Pinheiro Neto

  2. Plinio Pinheiro Neto

    31 de dezembro de 2010 - 14:29 - 14:29
    Reply

    Caro Hiroshi.
    Lamentável sob todos os aspectos o que nos revela a nota de teu blog a respeito da conduta de um pastor e deputado. Na verdade existe muita gente vivendo à custa de DEUS, comercializando a salvação, mostrando a figura de um deus mascate, que troca a concessão de suas bênçãos por bens materiais e isso tem fomentado o surgimento de uma multidão de mutilados espirituais, que, por não alcançarem os seus objetivos por esse caminho (da matéria) ficam descrentes e arredios, sem buscar e encontrar o verdadeiro caminho, que é JESUS, que nos diz: "EU sou o caminho, a verdade e a vida e ninguém vem ao PAI senão por mim”. Estas pessoas pensam que podem enganar a DEUS, porém nos é dito em Gálatas 6.7 "não vos enganeis, de DEUS não se zomba”. Podem enganar a muitos, por muito tempo, mas não a ELE. Servir a DEUS é o maior prazer que o homem pode alcançar e servi-lo por gratidão ao que ELE fez por nós e não em busca de bens materiais. Estes nos são concedidos pela Sua misericórdia, pois a palavra nos diz: "buscai em primeiro lugar o Seu reino e Sua justiça e as demais coisas vos serão acrescentadas”. Isso é, caminhando do espírito para a matéria e não da matéria para a matéria. Servir a DEUS é ao mesmo tempo muito fácil e muito difícil, pois para agradá-lo basta fazer o que manda a Sua Palavra, pois JESUS nos diz: "se quereis ser meus amigos, fazei o que Vos mando”. Agora, difícil é abandar-se dos prazeres mundanos, da ditadura da carnalidade e viver a busca da santidade aconselhada pelo Senhor que nos determina: "sede santos, porque Eu sou santo”. Isso não acontece do dia para a noite, é uma conquista diária, quase segundo a segundo, já que a Bíblia nos fala: "a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando, mais e mais, até ser dia perfeito" e também: "Aquele que começou em nós a boa obra, haverá de completá-la até os dias de Cristo Jesus”. O homem tem de escolher entre ser rico apenas materialmente ou ser rico espiritualmente e próspero, ou seja, suprido por DEUS em suas necessidades espirituais e materiais.
    A conduta idêntica a que descreves em tua nota conduz o homem ao caminho da perdição e do castigo eterno, ainda mais se tem a responsabilidade de guiar o rebanho de DEUS.Isso lhe será cobrado e o preço será muito alto. DEUS é muito duro quanto a isso e nos é dito em Habacuque: “Ai daquele que acumula o que não é seu” (Hc 2.6b) e mais: “Ai daquele que ajunta em sua casa bens mal adquiridos” (Hc 2.9ª) e ainda: “Porque a pedra clamará da parede e a trave lhe responderá do madeiramento” (Hc 2.11).DEUS está dizendo pelo seu profeta, que a própria casa cairá sobre os que se aproveitam do que não é seu. Através do profeta Jeremias o SENHOR também admoesta os seus servos quanto a retidão: “Como a perdiz que choca ovos que não pos, assim é aquele que ajunta riquezas, mas não retamente; no meio de seus dias as deixará, e no seu fim será insensato” (Jr 17.11).
    Creio que a Mão de DEUS já pesou sobre este homem e ele ou não entendeu, ou não quis entender, para não ter de afastar-se das coisas que agradam a sua carne e à sua ambição material, que por certo são mais preciosas para ele do que o amor de DEUS. Lamentável!

    Atenciosamente.
    O amigo.

    Plinio Pinheiro Neto

  3. Hiroshi Bogéa

    31 de dezembro de 2010 - 11:30 - 11:30
    Reply

    Anônimo de 1:00, você acertou! A Cesta Ano Novo está assegurada, rapá! Ehe eh eh

  4. Anonymous

    31 de dezembro de 2010 - 02:23 - 2:23
    Reply

    Alguém poderia explicar como o TCE emite uma Certidão Negativa para um candidato, e 70 dias depois julga suas contas IRREGULARES.
    Este candidato pode ser considerado inelegível para 2012?

    ATA Nº. 4.928– SESSÃO ORDINÁRIA
    REALIZADA PELO TRIBUNAL DE
    CONTAS DO ESTADO DO PARÁ.
    Às nove horas (09h00min) do dia dezesseis (16) do mês de dezembro do ano doismil e dez (2010),
    Processo nº 2007/53087-0,
    que trata da Tomada de Contas instaurada na Prefeitura Municipal de Tailândia, responsável Paulo Liberte Jasper, cujo Relator foi o Conselheiro Cipriano Sabino de Oliveira Junior.Cumprindo dispositivo regimental, foi ouvida a douta Procuradoria do Ministério Público deContas, quando ratificou o parecer escrito nos autos, cujo entendimento jurídico foi pela irregularidade das contas com aplicação de multas regimentais (pausa). A seguir, a Presidência proclamou que o responsável pelas presentes contas, embora regularmente notificado, não esteve presente e nem se fez representar. A matéria foi colocada em discussão. (Pausa).Ninguém se manifestando na forma regimental,Sua Excelência proferiu seu voto para julgar ascontas irregulares, com devolução de R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais), devidamenteatualizado monetariamente, aplicando-se ao responsável pelas mesmas as multas de R$2.000,00 (dois mil reais) pela instauração da tomada de contas e R$ 20.000,00 (vinte mil reais)pelo débito apontado. Consultado o Plenário, este se manifestou, inteiramente, de acordo,momento em que a Presidência proclamou que resolveu o Plenário, por unanimidade, acolher a manifestação do relator.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *