Hiroshi Bogéa On line

Pará carece de enfermeiros especializados em parto

 

 

De acordo com o Conselho Regional de Enfermagem do Estado do Pará (Coren-PA), são poucos os enfermeiros qualificados, que atuam em procedimentos inerentes ao parto (enfermeiro obstetra).

Essa lacuna acaba aumentando o índice de mortalidade no parto, tanto de mulheres, quanto de crianças, durante ou após o parto. A Região Norte ocupa a terceira posição quando se fala em morte durante o parto, fazendo do Pará um grande concorrente a contribuir para esses números.

O Coren-Pa pretende realizar fóruns, visando acordar meios que promovam ações para qualificar 60% de todos os enfermeiros do pará.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *