Hiroshi Bogéa On line

Nos escaninhos da patifaria

 

 

CorrupçãoA queda de braço entre o PMDB e o senador Mário Couto continua.

A tentativa de deputada estadual Cilene Couto (PSDB) de pedir aditamento  de requerimento da CPI, solicitada na Assembleia Legislativa para apurar denúncias de uso de dinheiro do Detran para manutenção do time de futebol, Santa Cruz de Cuiarana, de propriedade do senador, que vem a ser pai da deputada, pode dar com os burros n´água.

Parsifal Pontes, líder do PMDB na AL e autor do requerimento da CPI, rosnou: -” Nunca houve isso na história do país. Uma CPI tem fato determinado e para isso conseguimos um número de assinaturas que permite  a instalação da comissão para apurar este fato que motivou a proposta de formação da CPI!, disse ele, em entrevista ao Diário do Pará.

Em outras palavras, a bancada que pediu a CPI, formada por PMDB, PT e Psol, fincará posição contrária ao aventado interesse da deputada Cilene Couto,  da Comissão Parlamentar de Inquérito investigar gestões anteriores a do atual diretor Walter Pena, colocado no cargo pelo senador Mário Couto.

A filha do senador quer mexer nas contas  de Lívio Assis, ex-diretor geral do Detran, indicado na gestão da ex-governadora Ana Júlia pelo senador Jader Barbalho.

 

Post de 

3 Comentários

  1. TRISTE MUITO TRISTE

    27 de abril de 2013 - 08:58 - 8:58
    Reply

    E triste lembrar que o Para e representado no senado por tres representantes que estão sendo processados por desvios e corrupção.
    Jader Barbalho pelo desvio que fez na SUDAM.
    Flexa Ribeiro que ja foi ate algemado publicamente por fraudes em licitações.
    Mario Couto por desvios na ALEPA e etc.
    Como dizem que os politicos nada mais são os espelhos do povo que representam, fico muito triste.

  2. Domício Jorge Brasil Soares

    26 de abril de 2013 - 18:34 - 18:34
    Reply

    Amigo Hiroshi, a CPI do Detran-PA é natimorta. A dep. Cilene Couto(PSDB) filha do Senador diz concordar com a CPI e até assiná-la, propondo porém, que o período a ser investigado se estenda aos ultimos dez anos. Com essa extensão, abrangeria gestões do PSDB, PMDB e PDT, dentro do governo do PT. Às vesperas de eleições esse fogo cruzado não interessa a partido algum. E Couto requereu à Mesa Diretora do Senado, esclarecimentos se o Sen. Jader Barbalho informou à Casa, em sua Declaração de Bens, que adquiriu quotas societarias da Radio e TV Tapajós de Santarem-PA. Caso não conste de sua Declaração, ameaça denunciar Jader(PMDB) ao Código de Ética do Senado. Donde se pode deduzir, que as “rusgas” entre ambos se limitará aos dois periódicos principais da capital paraense. Acho que essa CPI não prospera. Em 26.04.13, Marabá-PA.

  3. anonimo

    26 de abril de 2013 - 12:36 - 12:36
    Reply

    Essa situação toda é de uma hipocrisia só .só estão criando essa cpi por pura retaliação .queria ver isso em todos detrans como o de marabá onde essas máfias de auto escola rola solta .

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *