Hiroshi Bogéa On line

“Ninho do Urubu” fede

 

 

Para quem já manifestou plena confiança e apoio às ações iniciais dela à  frente da presidência do Flamengo,  são decepcionantes, para a  Nação Rubro-Negra, as atitudes recentes de Patrícia Amorim.

No clube, todas as medidas são seguidas de bagunça generalizada.

Estava certo, realmente, Zico, quando largou o clube, amargurado com a safadeza de alguns diretores que chegaram a levantar suspeitas de que o nosso ídolo maior estivesse usando o clube para enriquecer familiares.

Apesar das declarações de apoio ao “galinho”,  Amorim compactuava com  sua fritura tonificada por parte da diretoria.

Os desaranjos administrativos rubros-negros eclodiram a partir de julho de 2010.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *