Hiroshi Bogéa On line

“Menos é Mais” da Academia Gol de Placa elimina 402 kgs de participantes do desafio

Festa de premiação dos participantes do “Menos é Mais”

 

Exatamente 401,5 quilos foram eliminados de 37 participantes do desafio “Menos é Mais”, programa de combate à obesidade desenvolvido pela Academia Gol de Placa.

O desafio começou na segunda metade do mês de janeiro último, e foi concluído no final de semana, exatamente dia 5 de maio.

Noventa dias de muita atividade física, mudança de hábitos alimentares e a absorção de um novo conceito de vida, onde prevalecem hábitos saudáveis e disciplinada agenda de exercícios físicos.

Em sua terceira edição, o  desafio Menos é Mais já está sendo responsável pela descoberta definitiva, nas pessoas envolvidas no programa,  de que os hábitos determinam, no final das contas, qual será o  peso de uma pessoa e porque fazer dieta não é, não foi, e nunca será a solução para emagrecer de vez.

Quem revela essa realidade são as pessoas participantes do desafio, depois de terem perdido  até 70% do peso que sonhavam adquirir, num prazo curto de apenas três meses.

E  como se chegar a isso?

“Mudança de hábitos e prática de exercícios físico, obedecendo uma agenda estabelecida por nutricionistas, professores de educação física e psicólogos. Reeducação alimentar simplesmente é uma das melhores formas não só para emagrecer, mas também para nunca mais ganhar peso. Trata-se de uma filosofia, e com duração prolongada, na qual você vai substituir hábitos ruins por outros melhores, tanto de alimentação como de vida em si. Fazendo assim, qualquer pessoa leva  o seu corpo a um equilíbrio, chegando ao seu peso adequado”, explica Lorena Ferraz, coordenadora do desafio “Menos é Mais”, da Gol de Placa.

Thiago Ferraz, um dos diretores da academia, conta que os resultados alentadores do desafio são provenientes da dedicação dos participantes e, principalmente, da certeza de que não basta fazer dieta acompanhada de exercícios físicos.

“Se você cultivou um hábito de alimentar-se mal, é justamente o que fará diariamente. E claro, terá as consequências disso, uma delas podendo ser o ganho de peso, sem falar nos danos à saúde. Digamos que a pessoa se dá conta que está acima do peso ou com problema de saúde, e aí resolve usar a solução “fácil”, que é fazer dieta. Do jeito que as dietas são anunciadas por aí, parecem a solução universal em curto tempo para todos os seus problemas. Então você se força a seguir aquele programa, mudando de uma hora para outra, e radicalmente, o seu comportamento. E o pior, sem tentar tomar consciência do que está fazendo”.

Seguindo à risca, explica Ferraz, a pessoa até terá resultado.Mas isso tem um preço.

“Primeiro porque o seu corpo e a sua mente vão lutar com todas as forças para voltar ao hábito antigo. Você vai sentir vontade de comer porcarias, a preguiça vai bater forte na academia, vai se sentir deprimido, e por aí vai. Isso aumenta muito a chance de você falhar na dieta”, .

E mesmo que a pessoa consiga atingir o seu peso, na avaliação de Thiago, existe uma armadilha que toda dieta tem, porque  “dieta” tem implícito que é uma solução temporária para alguém perder peso.

“Ninguém faria uma dieta para o resto da vida. Isso implica em você fazer um sacrifício por um certo tempo. E quando acaba, você está livre. Não há como fugir desse raciocínio. E livre para que? Oras, para relaxar e claro, voltar aos seus velhos hábitos alimentares! A dieta não ataca os velhos hábitos. Então você automaticamente relaxa ao final da dieta, e gradualmente volta a fazer tudo o que fazia antes”, explica Ferraz.

Ou seja, a Academia Gol de Placa trabalha ativamente a reeducação alimentar, seguindo a máxima de que, para mudar um hábito, é preciso cultivar um hábito novo, e de preferência melhor, de forma que o novo substitua o antigo.

E é aí que a reeducação alimentar entra.

Ao final de 90 dias  de desafio, o Menos é Mais transformou pessoas obesas em novos admiradores e praticantes da alimentação saudável, seguindo agenda permanente de exercícios físicos.

O participante campeão do desafio, na 3a edição do Menos é Mais, é o bancário Marcone  de Carvalho(foto acima)

Em 90 dias, ele eliminou mais de 31 quilos.

O que ele diz sobre o desafio:

– “Eu já era obeso há mais de 12 anos. Nos últimos 2 anos estava ainda mais insatisfeito com meu corpo, além disso a em setembro do ano passado fui ao cardiologista e estava tudo ruim pressão arterial estava alterada, triglicerídeos com níveis ruins, colesterol ruim alto o bom estava baixo, enfim… O médico disse que ainda não era caso de remédio de uso continuo, mas que eu precisava  mudar os hábitos”

No fim do ano de 2016, conta Marcone “navegando na internet, vi a postagem da academia mostrando o resultado do Bruno que havia ganho a segunda edição do desafio, em 3 meses 30 kg eliminados. Fiquei em choque: uma pessoa comum, daqui de Marabá, conseguir um resultado tão espetacular. Já vi resultados assim, mas na internet, pessoas não conhecidas. Mas o Bruno eu conhecia, ou seja, era algo real. Me dei conta que ele se ele conseguiu, eu também conseguiria”

Ao tomar conhecimento de que a Academia Gol de Placa havia aberto inscrições para a versão 3 do desafio “Menos é Mais”, Marcone não perdeu tempo;

– “Corri lá (na academia). Era minha chance. Agarrei com unhas e dentes, eu sozinho não conseguiria. Logo na primeira semana, por mais difícil que fosse mudar os hábitos, ver a balança  mudando, baixando a cada dia era muito animador. Cada sábado na reunião do grupo o ânimo do grupo ao ver o desempenho da semana. Foi um período muito bom. Conheci muita gente bacana. Voltei ao cardiologista, tudo normal. Doei todas as roupas que eu usava, nenhuma servia mais. Durmo melhor. E a auto-estima voltou”, conta, cheio de orgulho.

A seguir, depoimentos dos outros vencedores do “Menos é Mais”.

 

Michel de Moraes, 2o lugar, eliminou quase 23 kg:

– ” O Programa Menos é Mais foi uma mudança radical na minha vida. Após mais de seis anos pesando mais de 100 kg, e depois de várias dietas e tentativas falhas – uma consulta médica mostrando as mazelas que a obesidade me causava, fui inserido no programa daGol de Placa, com a ajuda dos amigos Reginaldo e Adriano que acompanhavam essa situação e resolveram me ajudar. Hoje com 94 kg tenho uma qualidade de vida que nem se compara à situação que me encontrava aos 122 kgs em Dezembro e os 118 ao início do desafio. Tenho a consciência agora que o acompanhamento de excelentes profissionais e uma excelente estrutura fizeram a diferença nessa mudança. Motivação,  alimentação e exercícios são os agentes motivadores dessa mudança. O desafio final de manter os resultados começa agora”.

 

José Hailton dos Santos, 3º lugar, perder mais de 15 kg.

Participar do desafio Menos é Mais, da Academia Gol de Placa, foi uma das melhores experiências  que me aconteceu, pois  tive a oportunidade  de conhecer pessoas que estavam  ali com o mesmo objetivo. Aprendi durante três meses de desafio que para perder peso precisamos ter uma alimentação saudável  e praticarmos exercícios  físicos, com determinação  e compromisso. Tentei muitas  vezes perder peso, sem resultados. Decidi participar  do desafio, onde encontrei apoio de bons profissionais  e procurei seguir com muita disciplina. Sabemos que sozinho jamais iria conseguir, já que a força dada pelos meus colegas do desafio foi um incentivo  maior para meus resultados. Apenas três meses de desafio  me transformaram num homem que hoje entende que comer bem não  é comer muito – e que nosso corpo precisa de exercícios.

 

A disputa feminina foi vencida por Ailana Csako,que eliminou mais de 22 Kg.

Depoimento da vencedora:

 

“A palavra desafio, tende a parecer  que se trata de uma disputa entre os participantes, mas logo nos deparamos com uma luta com nós mesmos>nessa luta, só nos cabe ter muita determinação e foco. Logo, não poderia deixar de agradecer, aos grandes amigos feitos no decorrer do desafio, aos colaboradores da academia e todo suporte que nos foi dado. O desafio não para, o primeiro passo já foi dado! Agora é manter o foco e seguir com minha alimentação saudável, praticando sempre exercício  físico”.

Cirila  Leal, 2º lugar feminino, eliminou mais de 12 kg.

– “Uma mudança de hábitos é sempre algo difícil, por isso que o “Desafio Menos é Mais” foi meu grande estímulo em busca de melhoria de vida com uma mudança drástica nos meus hábitos alimentares e físicos. A alimentação seguida de uma forma saudável não foi fácil, mas com o decorrer do tempo e com os resultados aparecendo semanalmente, se tornou prazeroso continuar este desafio, sempre buscando uma melhor conquista. Hoje, com os resultados e o corpo mais leve, a prática de atividade física se tornou mais fácil além de que, agora, eu consigo olhar no espelho e ver que o esforço valeu à pena. Independentemente da idade, o importante é traçar objetivos e manter-se determinado. O êxito é só questão de tempo”.

Dourieth dos Santos, 30 lugar feminino, eliminou 20 Kg.

– “O desafio Menos é Mais é uma transformação na saúde das pessoas. Só coisas positivas passaram a acontecer em minha vida, depois da disputa,  começando por minha autoestima conquistada. Perdi 20 kilos estou me sentindo mais realizada. Minha qualidade de vida melhorou 100 % Tenho mais disposição   para trabalhar e para  me divertir. Além dos mais me  sinto melhor com minhas roupas e com certeza hoje eu sou uma pessoa mais feliz. Ainda falta muito a ser conquistado. Porém, como conseguir eliminar  20 quilos,  com certeza irei conseguir perder mais peso ainda, para atingir meus objetivos”.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *