Hiroshi Bogéa On line

Maurino é afastado da prefeitura

 

Oficial de Justiça tenta, desde as primeiras horas desta terça-feira, 30,  notificar o prefeito Maurino Magalhães de seu afastamento do cargo por determinação da Justiça de Marabá.

Além do prefeito da cidade, oficial de justiça carrega notificação para certificar, também, o secretário de Saúde  Nilson da Piedade.

Além de serem afastados de suas funções, os dois estão com seus bens bloqueados, acusados de desvio de recursos da área da Saúde.

Paralelamente a esse movimento da Justiça,  vereadores de Marabá encontram-se neste momento reunidos no gabinete da presidência do Legislativo tratando de uma denúncia  formulada por eleitor do município, com pedido de cassação. A Câmara deve se reunir em plenário ainda esta semana para debater a abertura da comissão processante.

Com o afastamento de Maurino Magalhães, quem assume o cargo é o vice-prefeito Nagilson Amoury.

 

—————————-

 

Atualização às 13:15

 

Quem afastou Maurino Magalhães e o secretário de saúde de suas funções foi o juiz de Direito César Lins, que dias atrás determinou a prisão do secretário Nilson da Piedade.

Nagilson Amoury, vice-prefeito, acabou de revelar na Câmara Municipal, onde ele se encontra reunido com vereadores, que assumirá o lugar de Maurino Magalhães.

Post de 

18 Comentários

  1. Anonimo

    5 de novembro de 2012 - 17:58 - 17:58
    Reply

    Ele deveria ganhar o prêmio dos 100 piores prefeito do mundo e ir pra Alemanha, levar uma cambada de puxas sacos para chorar junto na hora da entrega do prêmio. Só aqui em Marabá mesmo. Caro URUBUS de outubro 30th, 2012 at 16:15 falar para deixarmos a carniça e pararmos de perseguir o Maurino nos ultimos dias de mandato como fizeram desde o dia que o mesmo assumiu. Imagina se não fosse feita pressão nenhuma, onde nossa cidade estaria? Já teria ido pro espaço literalmente. A denuncia contra (Maurino) o mesmo e falsa e vazia e possivelmente arquitetada pelo pessoal do submundo chefiado por Vanda e Cia. Se as denuncias fossem falsas não teria gente até na cadeia. E pode ter certeza que ainda terá mais gente. E que coisa feita pra livrar a cara do MAUrino falar que a denúncia é falsa e colocar a culpa na nobre vereadora Vanda??? Pelo tom da sua defesa você deve estar mamando na prefeitura.

  2. Claudenor Peixoto

    30 de outubro de 2012 - 23:45 - 23:45
    Reply

    Que vergonha! Governo de pés de barro. Também quem manda ser hipócrita. Agora sou eu quem falo: NÃO CAI UMA FOLHA DA ÁRVORE SE NÃO FOR POR VONTADE DE DEUS, DEUS DEU, DEUS TIROU. Já vai tarde sr. MAUrino, realmente até no seu nome tem coisa ruim “(MAU) SEU GOVERNO FICARÁ MARCADO PELA HISTÓRIA DESSE MUNICÍPIO COMO O PIOR QUE AQUI JÁ PASSOU.

  3. "Chicote neles".

    30 de outubro de 2012 - 23:18 - 23:18
    Reply

    È como já disseram aí em cima: “Depois que a onça tá morta todo mundo quer dar tapa na cara dela”

  4. Rafael Marinho

    30 de outubro de 2012 - 21:16 - 21:16
    Reply

    Tarde demais! Infelizmente é como bater em cachorro morto.

  5. Márcia

    30 de outubro de 2012 - 20:49 - 20:49
    Reply

    Anônima… você colocou muito bem, tem muita coisa embaixo deste tapete. Trabalho na saúde e me envergonho de tantos absurdos. O pior é que alguns técnicos ou melhor dizendo, técnicas da secretaria de saúde vivem esbanjando e falando aos quatro cantos que fazem e acontecem, inclusive vivem de viagens, ou seja procuram estar atentas a todos os eventos/congressos/simposios para poderem participar. Inclusive tem um grupo que já esta de malas prontas para fazer mais uma ou duas destas viagens até o final de ano, e olha que a situação financeira da saúde tá um caos. Mas fazer o quê… tenho fé em Deus que um dia esta farra acabe… pelo menos pra este grupinho!!!!

  6. Anônima

    30 de outubro de 2012 - 19:13 - 19:13
    Reply

    Tudo isso já era previsto… é tanta sujeira em baixo deste tapete. Mas será que agora dá tempo pra corrigir alguma coisa? O que nós, pobres mortais, sabemos é que muita gente se beneficiou da “coisa pública”, e o pior continua a se beneficiar… um exemplo são servidores da saúde viajando para participar de eventos que em nada contribuirá para a melhoria do serviço, pelo menos não nesse momento… mas para estas pessoas o que vale mesmo é sair de cena por alguns dias, e ainda por cima ganhando diárias fabulosas…

  7. Naldo

    30 de outubro de 2012 - 19:10 - 19:10
    Reply

    Infelizmente, a câmara foi omissa durante os quase quatro anos, tornando assim, o progresso decente do município um verdadeiro descaso. Não é necessário que tenhamos de pressionar o legislador, pois, já é competência dele se impor pela causa benéfica do povo diante das situações como as ocorridas em Marabá. É bom termos cuidado. Por culpa nossa, a maioria do(s) último(s) governo(s) retornaram à casa. Alguns até já tem títulos de moradores “eternos”.

  8. "Chicote neles".

    30 de outubro de 2012 - 18:18 - 18:18
    Reply

    Acho que está na hora do Ministério Público investigar também o proceder de alguns vereadores que foram coniventes com esse desmando. Concordo com o Reginaldo, porque só agora é que eles resolvem tomar uma atitude em relação a atual situação do município, será se é porque o Maurino não conseguiu se reeleger? A cada dia a população de Marabá fica mais atenta a esses “Senhores” que travam o desenvolvimento do município. César Lins
    mão de ferro contra a maracutaia instalada no “terebinto” dessa administração municipal.

  9. Claudia

    30 de outubro de 2012 - 16:45 - 16:45
    Reply

    è verdade minha cara sandra, todos temos acompanhado o Trabalho das promotoras de Justiça de Marabá, que na maioria são mulheres e elas tem tido garra e nunca desistiram de envidar esforços para cumprir os seus mister . Aliás, essas jovens Promotoras merecem nosso respeito e admiração pela brilhante atuação que fazem em nossa sociedade. É bem verdade que boa parte da falta de êxito em suas ações deve-se ao Poder Judiciário qu até então negava muita coisa, tendo o MP que recorrer e ai quando chega no Tribunal, a demora é grande !!!

  10. sandra

    30 de outubro de 2012 - 16:30 - 16:30
    Reply

    Até que enfim o Judiciário deu uma resposta efetiva para uma situação escabrosa que é do Prefeito Municipal. Durante toda gestão, o Ministério Público de forma incansável tem ajuizado ações visando a melhoria da gestão e a prestação de serviços públicos essencias em nossa cidade. Entretanto, sempre foi declinado os favores da lei para Maurino Magalhães que sempre dizia em reuniões que não temia o Judiciário nem o Ministério Público. Será???? Parabens ao Ministério Público e ao Poder Judiciário!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!A sociedade agradece!!!!!!!!!!!!!!!

  11. URUBUS

    30 de outubro de 2012 - 16:15 - 16:15
    Reply

    Deixem a carniça e parem de perseguir o Maurino nos ultimos dias de mandato como fizeram desde o dia que o mesmo assumiu.
    A denuncia contra o mesmo e falsa e vazia e possivelmente arquitetada pelo pessoal do submundo chefiado por Vanda e Cia.

  12. Jorge

    30 de outubro de 2012 - 15:42 - 15:42
    Reply

    Pessoal, kem ta afastando o Malino é o Juiz Cesar Lins, não os vereadores.
    Ai eu pergunto a vcs por que só agora vcs estao reclamando dos Vereadores? Por que vcs nao se mobilizaram pra pressionar o Legislativo.
    Ora, ora, ora…

  13. João Carlos

    30 de outubro de 2012 - 14:44 - 14:44
    Reply

    O vice-prefeito entregou um ofício ao MM juiz onde afirma que não assumirá o cargo. Cópia desse documento foi entregue ao presidente da CMM quando da reunião que acabou há pouco. Sua informação não procede. Quem assumirá será o presidente da Câmara.

  14. Anonimo

    30 de outubro de 2012 - 14:36 - 14:36
    Reply

    Hiroshi, inclusive alguns nomeados de alguns setores da prefeitura estão que nem carniça procurando de onde tirar dinheiro….

  15. Dario dos Anjos

    30 de outubro de 2012 - 14:31 - 14:31
    Reply

    Vereadores são eleitos unicamente para legislar e fiscalizar o executivo e em nenhuma cidade do país fazem o que realmente deveriam fazer. Agora, para dar tapa na cara da onça morta, aparece um monte de corajosos. Que os culpados paguem, e caro, pelos danos ao erário público.

  16. Bom Senso

    30 de outubro de 2012 - 13:44 - 13:44
    Reply

    Concordo plenamente com o colega, e digo mais, caso remotamente os vereadores nao sabiam das lambancas, nao deveriam esta na funao de vereadores, por incompetencia.
    Mais a justica tarda mais nao falha, eu tiro o meu chapeu para o E.xmo Sr. Juiz.
    Nao esquecendo nossos promotores(as) que mais uma vez eu os parabenizos

  17. Eleutério Gomes

    30 de outubro de 2012 - 13:12 - 13:12
    Reply

    É, no mínimo estranho, que agora, só agora, depois de decretada a falência do Governo Maurino Magalhães, os nobres vereadores da Câmara Municipal de Marabá, que por quase quatro anos fecharam os olhos ao castigo imposto à população em virtude do desastre que tem sido a administração municipal, se apressem em abrir comissão processante. Muito estranho mesmo!

  18. Reginaldo

    30 de outubro de 2012 - 12:50 - 12:50
    Reply

    Fico aqui me perguntando: porque será que só agora nossos vereadores resolvem se mobilizar para discutir a cassação do prefeito de marabá? Será que os mesmos em nenhum momento souberam das lambanças cometidas com o dinheiro público? Abram os olhos cidadãos de Marabá. Quem cala consente!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *