Hiroshi Bogéa On line

Ex-Vereadora Elka, fiscal da Adepará? Brincadeira!

 

 

ELKASabe a Elka, ex-vereadora que deu chabu quando exercia o mandato?

Moçoila, agora, é servidora da Adepará.

Brincadeira?

Puríssima verdade, trazida à público por comentarista do blog.

Basta dar uma verificada no Diário Oficial de 26 de março, para tirar a prova dos nove.

Se na Câmara Municipal, Elka já não trabalhava, ocupadíssima em passeios por esse Brasil-de-Meu-Deus, usando veículo oficial, como acreditar em  sua conversão zeladora de fiscal  da  Adepará?

Para quem não se recorda do famoso “Caso Elka”, dois cliques para uma rápida  “apreciação”:   AQUI     e    AQUI. 

E quem desejar ver com os próprios olhos, tal São Tomé,  o ato oficializado da admissão da nova “servidora” do Estado, entra AQUI.

Post de 

11 Comentários

  1. Samuel Costa

    1 de abril de 2013 - 23:52 - 23:52
    Reply

    Amigo, desse desgoverno de Simão Preguiça,podemos esperar de tudo.

  2. Func.HMM

    31 de março de 2013 - 20:42 - 20:42
    Reply

    ôoosurpresa…!

  3. Mack Douglas

    31 de março de 2013 - 08:37 - 8:37
    Reply

    É meus caros, aí está ela, de volta. Como já comentaram, dias atrás li aqui no blog relato indignado de servidor da Adepará, que denunciava as artimanhas praticadas no posto Rio tocantins (Marabá), asseverando também a sua desarrazoada transferência daqui para os confins do mundo. Eis a razão!

  4. Por uma Marabá Melhor

    31 de março de 2013 - 00:35 - 0:35
    Reply

    Anonimo das 21:43h. de 28.03.13 contribuo com você fazendo a seguinte indagação ao pretenso deputado estadual-2014 Sr. Mário Moreira, até o presente momento, Diretor Geral da ADEPARÁ: A Sra. Elka vai subir em caminhão para contar os gados? Vai subir em caminhões-baú para inspecionar os produtos e subprodutos de origem animal e vegetal? Vai multar quem estiver em desacordo com a legislação agropecuária sem sucumbir aos desejos corruptíveis que o dinheiro possa proporcionar? Condenaria carnes estragadas de frigoríficos de pessoas oriundas de famílias “ilustres” de Marabá? Tudo isso por pouco mais de R$ 1.500,00 sem direito a adicional de insalubridade ou periculosidade, com adicional noturno sendo pago sempre atrasado ou na maioria das vezes nem sendo pago. De baixo de sol, que nesta região chega a ser desesperador. Em baixo de chuva, em pleno inverno amazônico. Sinceramente, pelo histórico dessa cidadã acredito que não. Vale lembrar que o irmão do Adécimo Gomes, ex-prefeito de Itupiranga (tema de muitas postagens por aqui) também trabalha nesse posto e não faz nada disso (por que será?). É muita cara-de-pau desse povinho. Bogéa isso é o fim da picada; não vamos deixar bagunçar a cidade de Marabá. Nós, cidadãos de bem, merecemos respeito.

  5. Jesiel Nascimento

    30 de março de 2013 - 21:24 - 21:24
    Reply

    Cheguei de viagem e fiquei muito feliz. Vi que a SOCIEDADE está participando e, o melhor, DENUNCIANDO. Senhores (as), realmente ficou muito claro para mim que a minha permanência naquele Posto Fiscal incomoda muita gente (É A FAMOSA POLITICAGEM). Plantei a semente no seio da sociedade paraense e as pessoas começaram a se manifestar (PARABÉNS A TODOS). Aceito sair de Marabá, desde que as pessoas com condutas indecorosas sejam retiradas daquele posto de fiscalização (a isso se dar o nome de MORALIDADE PÚBLICA) e que seja devidamente esclarecido qual o real motivo da minha saída (JÁ QUE CORRUPÇÃO NÃO É). Contudo, mais uma vez, saudações a você jornalista e aos irmãos brasileiros que, como eu, se INDIGNAM com qualquer forma de corrupção. Amados DENUNCIEM, o Brasil ainda tem jeito (Morro acreditando nisso!!!).

  6. opinião

    30 de março de 2013 - 14:32 - 14:32
    Reply

    E o Maurino por onde anda?

  7. silva

    29 de março de 2013 - 22:48 - 22:48
    Reply

    O juiz lalau se não for julgado neste ano,no ano que vem ele será inocentado e fiacará com todo dinheiro que desviou da construção do tribunal do trabalho e em Marabá alguem vai devolver o dinheiro desviado da prefeitura

  8. silva

    29 de março de 2013 - 21:14 - 21:14
    Reply

    A corrupção em Marabá e em todo Brasil tá á vista á olho nú,ninguém faz nada,a justiça realmente é cega e o povo também ou não quer ver.
    O que me revolta é que depois as pessoas vão procurar emissoras de tv pra criticar os governos por suas más escolhas nas urnas.

  9. KM 07

    29 de março de 2013 - 20:26 - 20:26
    Reply

    O que vamos dizer aos nossos filhos, depois de tantas lambança que essa ex, vereadora aprontou agora fiscal da adepará, raposa cuidando de galinha. Salve nos senhor.

  10. Anônimo

    29 de março de 2013 - 12:02 - 12:02
    Reply

    Pois é um servidor andou relatando aqui como andam as coisas na ADEPARÁ … a cor da fumaça cada vez mais me faz acreditar que há fofo mesmo heim

  11. Jorge Antony F. Siqueira

    29 de março de 2013 - 11:52 - 11:52
    Reply

    Caro Hiroshi, acabou-se a mamata da CMM, naturalmente “ELKA MARAVILHA” procurou seu patrão Tião Miranda que na boa “arrumou” outra boquinha prá ela. 29.03.13, Mba.-PA.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *