Hiroshi Bogéa On line

Esforço por Carajás capitaliza reconhecimentos

 

Habituado a proferir palestras em associações de bairros, sempre que recebe convites, o médico Jorge Bichara tem percebido a reação contagiante da população àquelas pessoas que se mantiveram à frente da  campanha plebiscitária favorável ao Estado de Carajás.

Não apenas exercendo a presidência da Fundação Zoobotânica  de Marabá como também à frente da diretoria da Unimed Sul do Pará, Bichara foi um dos agentes formadores de opinião na batalha travada pela aprovação do  Sim, participando de reuniões e comícios, além das concentrações realizadas em diversos municípios da região.

Pelo menos em três palestras proferidas pós-plebiscito, o médico vem absorvendo leitura de  quanto foi importante para as esperanças do povo regional, “principalmente para a sua autoestima”, a vaga possibilidade de que os dois Estados poderiam ser criados.

Na avaliação de Jorge Bichara, levará ainda muito tempo para “sarar essa ferida deixada na alma das pessoas, decepcionadas com o resultado da consulta”.

Ao mesmo tempo em que a população consagra com simpatia os defensores da criação do Estado, Jorge tem percebido o quanto a mesma está “decepcionada e revoltada com quem ficou contrário a ideia ou em cima do muro”.

Post de 

13 Comentários

  1. Eleitor

    2 de fevereiro de 2012 - 13:31 - 13:31
    Reply

    A via segura é o PSOL na prefeitura de Marabá. Votar em qualquer outro candidato de qualquer outro partido, é continuar do mesmo jeito que estamos hoje e estavámos ontem. Pra frente é que se anda.

  2. anonimo

    1 de fevereiro de 2012 - 21:00 - 21:00
    Reply

    Bosco Jadão analisa, e o povão vota Tião.

  3. Mestre

    1 de fevereiro de 2012 - 13:25 - 13:25
    Reply

    Mestre Bosco Jadão já disse:”não contem com o ovo na galinha”, “a arrogância desperdiça voto”; “quem diz que elege poste, perde pra semi-analfabeto”,”Maurino não é cachorro morto”, “em Marabá os crentes estão mais bem articulados que os demais cristãos”, “A terceira via cresce”, “a vantagem de Tião em janeiro passado era bem maior do que agora”, “João Salame é carta dentro do baralho”, “Quem não apoiou o SIM, explicitamente, veementemente, não vestiu a camisa, não colou adesivo no carro, não ajudou na campanha: será cobrado nas urnas”. Pena que Maurino a cada dia, pelo seu desgoverno, ainda joga no colo de Tião, a vitória em outubro, filosofa o Mestre Bosco.

  4. Uma boa escolha

    1 de fevereiro de 2012 - 11:55 - 11:55
    Reply

    Vamos ter coragem e mudar o panorama politico desta cidade com pessoas honestas e com ideias novas sem o vicio da politica, eu e minha familia votaremos no senhor Dr.Jorge Bichara para uma cidade melhor.
    Sempre Carajás.

  5. Luis Sergio Anders Cavalcante

    1 de fevereiro de 2012 - 10:05 - 10:05
    Reply

    Vou de Dr. Jorge Bichara do PV, embora seu partido seja nanico e, tenha que fazer alianças com outros ( partidos). O que preocupa são as “concessões” advindas dos aliados no pós eleição. A via honesta será essa. Em 01.02.12, Marabá-PA.

  6. Anônimo

    1 de fevereiro de 2012 - 08:32 - 8:32
    Reply

    Jorge Bichara, João salame, Ítalo Ipojucan, nomes não faltam para nossa escolha, vamos deixar de lado esse políticos que nós decepcionaram tanto nos últimos tempos.
    Maurino e Tião: Deus me livre e guarde!!!!!!!!!!!!!! rsrsrsrsrs

  7. Paulo

    1 de fevereiro de 2012 - 08:27 - 8:27
    Reply

    Caro Alberto, discordo veementemente do seu posicionamento. A decepção ocorre apenas quando se espera algo de alguém. No caso mais emblemático, o povo esperava nada menos que seus representantes, ou seja, o de cada região, lutasse por melhorias para sua região.
    Como ficou comprovado nas urnas, 94% dos marabaenses acreditaram que o desmembramento era de melhor valia não apenas para essa região, mas para o todo o Estado (Isso é uma outra história!). Tião Miranda decepcionou profundamente seu eleitorado. Como maior representante político da cidade, deveria ter encabeçado esse movimento e não TER SE ESCONDIDO SOBRE AS ASAS DO Governador JATENE, o mesmo que nada de novo traz para nossa região. Agora mesmo irá inaugurar uma virtuosa estrada ao norte do estado, enquanto nós padecemos nessas estradas assassinas (Não existe nem 1 km de qualquer estrada de Marabá para qualquer outro lugar sem buraco).
    Quanto aos demais, Zenaldo e outros, nada mais fizeram do que defender os interesses da maioria dos seus eleitores. Logo concordo, nesse caso, não temos com o que nos decepcionar. Mas no caso do Tião Miranda, esse foi 55, contrário à divisão. Por isso perdeu meu voto.

  8. Raimundão

    1 de fevereiro de 2012 - 01:57 - 1:57
    Reply

    Pessoal, as eleições estão chegando, cuidado com os lobos em pele de cordeiro.

  9. Raimundão

    1 de fevereiro de 2012 - 01:55 - 1:55
    Reply

    Eu me orgulho de ser Marabaense, Paraense e Brasileiro.

    O problema da nossa Cidade do nosso Estado e do Nosso País, é a corrupção desenfreada e incontrolável, em que bandidos travestidos de governantes, impõe ao nosso povo.

  10. Tião do Não

    31 de janeiro de 2012 - 23:01 - 23:01
    Reply

    Aliás…a propósito dessas bobagens que o Abelardo falou…

    ESCRITORA HOLANDESA FALOU DO BRASIL

    LEIA COM BASTANTE ATENÇÃO

    Os brasileiros acham que o mundo todo presta menos o Brasil, realmente parece que é um vício falar mal do Brasil.
    Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos,
    Mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos.
    Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado.
    Só existe uma companhia telefônica e pasmem!
    Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.
    Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo – ou de lavar as mãos antes de comer.
    Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne.
    Em Londres, existe um lugar famosíssimo, que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal – e tem fila na porta.
    Na Europa, não fumante é minoria.
    Se pedir mesa de não fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe.
    Fumam até em elevador.
    Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria, qualquer garçom de botequim no Brasil poderia ir pra lá dar aulas de ‘Como conquistar o Cliente’..
    Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo?
    Impõem suas crenças e cultura.
    Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos.
    Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com os seus usuários brasileiros através da língua Portuguesa.
    Os brasileiros são vitimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc…
    Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais.
    Os dados são da Antropos Consulting:
    1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.
    2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.
    3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.
    4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações.
    O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundial: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.
    5. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.
    6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.
    7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.
    8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês. Na telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.
    10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento.
    No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina.
    11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.
    Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?
    1. Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?
    2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?
    3. Que suas agências de publicidade ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?
    4. Por que não fala que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?
    5. Por que não dizem que é hoje a terceira maior democracia do mundo?
    6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizado?
    7. Por que não selembram de que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que se esforça para falar a língua dos turistas gesticula e não mede esforços para atendê-los bem?
    Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.
    O Brasil é um país abençoado de fato. Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos.
    Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques.
    Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente.
    Bendita seja querida pátria chamada Brasil!!
    Divulgue esta mensagem para o máximo de pessoas que você puder.
    Com essa atitude, talvez não consigamos mudar o modo de pensar de cada brasileiro, mas ao ler estas palavras irá, pelo menos, por alguns momentos, refletir e se orgulhar de ser BRASILEIRO!

  11. Tião do Não

    31 de janeiro de 2012 - 22:53 - 22:53
    Reply

    Grande vantagem Abelardo, que números vc tem de Cuba? Lá tem imprensa livre, que possa divulgar o q está acontecendo? Lá só quem fica rico é a cúpula e seus familiares…o resto não pode! Lá todo mundo só pode ser pobre, não existe escolha.

  12. Abelardo

    31 de janeiro de 2012 - 14:27 - 14:27
    Reply

    DEMOCRACIA É ISSO

    200 milhões de crianças no mundo dormem hoje nas ruas. Nenhuma é cubana.
    250 milhões de crianças com menos de 13 anos são obrigadas a trabalhar para viver. Nenhuma delas é cubana.
    Mais de um milhão de crianças são forçadas à prostituição infantil e dezena s de milhares foram vítimas do comércio de órgãos. Nenhuma delas é cubana.
    … 25 mil crianças morrem a cada dia no mundo por sarampo, caxumba, difteria, pneumonia e desnutrição. Nenhuma delas é cubana.

    FONTE: UNICEF – ONU

    Temos que oferecer uma qualidade de vida para as crianças de hoje, para não termos que punir os adultos de amanhã.

    Imaginem isso no Brasil onde se diz que existe democracia.

    Abelardo Esteves

  13. Alberto Lima

    31 de janeiro de 2012 - 11:12 - 11:12
    Reply

    Não acho correto ficarem decepcionados e revoltados contra as pessoas que foram contra a criação de carajás. Afinal, estas pessoas tomaram posições e enfrentaram as oposições, atitudes nobres de quem não tem medo de expor suas idéias.

    Já a galera que ficou ” em cima do muro”…. Essa snão tem perdão, pois mostraram-se claramente oportunistas!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *