Hiroshi Bogéa On line

Empresários da Martinica visitam o Pará

 

Empresários da Martinica chegam nesta quarta-feira (22) a Belém para prospectar novos negócios na área de flores e plantas ornamentais.

Caso a missão comercial seja bem sucedida, as flores do Pará têm tudo para ganhar o mercado do Caribe e América Central.

A comitiva, composta por 15 pessoas, é formada por empresários, políticos e técnicos do governo.

O encontro servirá como o ponto inicial de discussão para criação de um acordo de cooperação técnica integrando empresários da Martinica e produtores paraenses de flores e plantas ornamentais.

A programação de visitas dos empresários foi organizada pela Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap). Técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e das secretarias de Turismo (Setur) e de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme) também acompanharão os visitantes.

às 15 horas, no auditório da Federação da Agricultura do Pará (Faepa), a comitiva da Martinica assistirá a uma apresentação panorâmica do setor de floricultura do Estado feita por técnicos da Sedap.

Já na quinta-feira (23) pela manhã, visitam um plantio de flores na comunidade de Genipaúba, no município de Santa Bárbara do Pará, e à tarde, às 16 horas, participam de reunião com o secretário de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, Hildegardo Nunes, na sede da Sedap.

Na sexta-feira (24), último dia da comitiva no Pará, os empresários visitam produtores de flores nos municípios de Benevides, na região metropolitana, e Castanhal, no nordeste paraense.

A intenção é criar uma grande rede comercial de flores e plantas ornamentais tropicais, dentro do projeto Caribbean Bouquet. Para isso, o Governo da Martinica vem buscando recursos internacionais, com financiamento da União Europeia. O primeiro passo para a criação da rede deverá ser uma grande feira internacional, em junho, na Martinica, com a participação do Pará.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *