Hiroshi Bogéa On line

Coronavírus: Força-tarefa policial vai atuar em ações preventivas e repressivas contra descrumprimento de medidas do governo

A Polícia Civil do Pará publicou, na noite desta segunda-feira, 6, uma portaria que reforça as novas medidas anunciadas pelo governo do Estado para frear a propagação da covid-19.
De acordo com o delegado-geral Alberto Teixeira, uma força-tarefa foi criada para atuar nas “ações preventivas e repressivas”.
A atualização proíbe a realização de cultos/eventos religiosos presenciais, fechamento de praias, igarapés, balneários, clubes e similares.
Em caso de descumprimento, a Polícia Civil deverá aplicar advertências, multas que podem ir em até R$ 50 mil e interdição de estabelecimentos.
O documento reafirma o decreto de 16 março, que determina o fechamento de academias, bares, restaurantes, lojas de conveniência, padarias, casas noturnas e estabelecimento similares, excetuado o serviço delivery e retirada de comida devidamente embalada.
A Polícia Civil informa que adotará “todas as medidas de investigação criminal e administrativas cabíveis”. “Criamos uma força-tarefa com equipes das Diretorias de Polícia Metropolitana, do Interior, Administrativa e Diretoria Estadual de Combate à Corrupção, que irá atuar diretamente nas ações preventivas e repressivas”, disse Alberto Teixeira.
Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *