Hiroshi Bogéa On line

Acadêmicos da Unifesspa elogiam programa “Bolsa Pará” anunciado por Helder

Universitários do Campus III da Unifesspa receberam positivamente o anúncio do programa  “Bolsa Pará”, feito em Marabá pelo governador Helder Barbalho, por ocasião da passagem de Barbalho pela cidade.

Ouvidos pelo blogueiro, oito estudantes de áreas diversas demonstraram contentamento com a medida,  cujo programa vai oferecer 459 bolsas de estudo em todo o Pará, por meio da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), Universidade do Estado do Pará (Uepa), Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa).

“É tão animador quando a gente lê notícias como essa, acostumados que estamos só com fatos tristes e que desencorajam nossa luta por formação acadêmica. Eu tenho um sonho: atuar na área científica biológica. Quem sabe, quando me formar, eu seja beneficiada com uma bolsa dessa!”, festeja Ana Lúcia Smith.

Helder noticiou que o  investimento inicial no programa é de R$ 3.800.849,43.

Os recursos permitirão a criação de 50 bolsas de mestrado, 30 de doutorado e 379 de iniciação científica.

Renato Grudecht, 22 anos, também comemora  o anúncio.

“O Brasil só vai progredir quando seus jovens forem financiados para o desenvolvimento de suas capacidades em áreas científicas. Eu pretendo ser um  eterno estudante, pesquisador, quero ajudar minha região (ele nasceu em Macapá) a se desenvolver”, disse.

O programa de bolsas objetiva formar e fixar recursos humanos em áreas consideradas relevantes e prioritárias ao desenvolvimento local sustentável.

Conforme anunciado por Helder, no primeiro quadrimestre de 2019, o Bolsa Pará vai conceder 460 bolsas, divididas em: 50 de Mestrado, 30 de Doutorado e 380 de iniciação científica.

No total, o investimento em fomento será de mais de R$ 3,8 milhões, já tendo previsão de liberação de igual valor para o segundo quadrimestre deste ano para incremento das ações de fomento, apoio, e incentivo à pesquisa científica e tecnológica.

O programa propõe também a criação de novas modalidades de bolsas que possibilitem e estimulem a participação de cidadãos em projetos de pesquisa científica e tecnológica alinhadas com as necessidades do mercado de trabalho, visando o desenvolvimento sustentável e equitativo de todas as mesorregiões do Estado do Pará.

De igual forma, o programa visa combater a exclusão social e a criminalidade, concedendo bolsas a jovens que fazem parte dos projetos de “Territórios de Paz”, estimulando a vocação de jovens, sobretudo de escolas públicas com potencial para desenvolvimento de produtos de mudança da realidade local.

Quem estiver interessado em se habilitar ao programa, deve ficar antenado no  site da Fapespa  e em suas  redes sociais.

Em breve a Fapespa irá disponibilizar mais informações sobre os Editais do Bolsa Pará.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *