Hiroshi Bogéa On line

Apoiadores de Márcio Miranda já creem em “candidatura competitiva”

Os apoiadores da pré-candidatura do deputado Márcio Miranda (DEM) ao governo já não têm dúvidas quanto a condição competitiva do nome do parlamentar para disputar a sucessão de Jatene.

O “espírito” otimista de pré-campanha baseia-se nas recentes pesquisas.

“O Márcio (foto|) já está  beirando a 18% de intenções, sem declarar publicamente que seja candidato ao governo. Quando isso ocorrer, em poucos dias, ele chegará a  25%  de percentual (tendência eleitoral), e, definitivamente, partirá para suplantar Helder nas intenções de votos”, diz  uma fonte com quem o blogueiro conversou no final de semana.

Interlocutor observa ainda que “o nome do Márcio não carrega nenhuma denúncia de corrupção, além de ser pessoa agregadora da classe política, transitando entre todas as legendas como politico confiável e que cumpre compromissos”.

 

 

Post de 

3 Comentários

  1. André

    4 de junho de 2018 - 12:55 - 12:55
    Reply

    Temos que sempre procurar mudanças pois o cenário político hoje não é confiável, temos que dar oportunidade a pessoas com outras propostas com comprometimento com o povo chega de candidatos que tiveram a chance de fazer e não fizeram o povo não admite mais candidatos corruptos governando por isso me coloco a disposição pra integrar a sua campanha com votos !

  2. virgilino camargos

    12 de março de 2018 - 08:50 - 8:50
    Reply

    na minha leitura politica Zequinha Marinho Sera o Vice de Marcio Miranda

  3. Frederico Arruda

    5 de março de 2018 - 17:24 - 17:24
    Reply

    Márcio, é de um bom caráter. Agora, carrega um fardo muito pesado que virá a baila no embate eleitoral. Sofreu duras derrotas para prefeitura de Castanhal (sua cidade natal). Com essa possível chapa Márcio/Megale, amplamente divulgada, o Hélder, que é lamentável será o próximo governador do Pará. Ainda, acreditamos na articulação do Jatene, para impedir esse anunciado desastre administrativo. O Pará não pode parar. Barbalhos jamais!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *