Hiroshi Bogéa On line

Prefeitura rica faz boiada avoar

Modo geral, dizem,  em política, “só falta boi voar”.

Pois em Parauapebas,  nos últimos dias,  a política de esgoto está fazendo  boiada avoar.

Mais precisamente, alguns  protagonistas de uma CPI que estava instruída a votar a destituição do prefeito Valmir da Integral, se escafederam.

Além de vereadores declaradamente favoráveis ao impeachment de Mariano terem desistido de comparecer à sessão deliberativa,  o autor da Representação, Raimundo Pires dos Santos,  que pedia o afastamento do mandatário,  voltou atrás minutos antes do início da sessão que iniciaria os debates de impedimento, entregando documento à mesa diretora do Legislativo desistindo da proposição.

No tempo que Dom-Dom jogava no Andaraí,  a frase  “quem tem com que me pague, não me deve nada” era comumente usada para ilustrar situação na qual alguém conseguia mudar a rota das coisas ou deixava de confiar em outra.

A prefeitura rica de Parauapebas faz valer o resgate do adágio popular na singularidade de seu melhor significado.

Ou não?

 

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *