Nos porões das aeronaves da TAM, antro de roubos e saques praticados por piratas da companhia

 

 

Não é de hoje que são registradas denúncias de roubos  e saques ocorridas nos porões de bagagem das aeronaves da TAM.

Principalmente, na rota São Paulo-Belém.

Nesse trecho, parece existir uma gangue de saqueadores e ladrões de alta periculosidade, como gostam de citar os repórteres policiais.

A última vítima desses assaltos (e não será o último, certamente) foi minha filha, Julianna Bogéa.

Vejam o relato dela nos murais das redes sociais:

 

 

Revolta. É a palavra que define o q estou sentindo com o ocorrido nessa última madrugada (02/11).

Desembarquei em Belém no vôo vindo de SP JJ3544 da TAM,  às 00:50.

Na sala de desembarque, notei que minha mala tinha sido extraviada (caso comum na Tam,  mas nd comum para um cliente), e me dirigi ao balcão para abrir um protocolo.

Porém, resolvi retornar à esteira de bagagem  e verificar um volume q por lá rodava, nada parecido com o meu.

Para meu espanto, “aquilo” era minha mala completamente envolvido por sacos plásticos preto, rasgados e furados e fitas da Tam.

Confesso que levei algum tempo para assimilar o que tinha acontecido com minha mala NOVA, comprada há um mês.

Procurei os funcionários da companhia e eles foram bem diretos   – “Vamos levar sua mala para o conserto, caso não tenha jeito, você ganhará outra”.

Como assim,  uma mala nova,  minha gente??

Fomos pesar a mala e mais um baque>  5kg a menos do que embarquei.

Gente, fui abrindo a mala e me sentido mais impotente ainda… roupas em sacos plásticos da Tam, embrulhos danificados, minha mala não tinha fundo, não tinha uma roda, não tinha puxador. O que era aquilo? Como eu chegaria em casa com minhas coisas? Em sacos plásticos?

A minha sorte é que encontrei um casal de amigos desembarcando em outro voo,  e me deram total apoio moral e psicológico.

Em casa me deparei com roupas rasgadas, sapato e bolsa desapareceram, 9 mil reais de prejuízo fora o dano moral que não consigo dimensionar.

Me sinto roubada, desrespeitada, impotente.

O que me faz mal agora é saber que na sexta viajo de novo por essa mesma companhia… Preciso da ajuda de vcs.

As fotos não chegam perto da realidade que encontrei.

Os piratas invadiram tb voos domésticos, onde vamos chegar?? #jeitotamdevoar #tamnasnuvens #staraliance

Nota do blog  1:  as fotos abaixo mostram mais ou menos como ficaram roupas e demais bens que se encontravam na mala arromnbada pelos piratas da TAM.

TAM

 

Nota do blog 2:   Minha filha  está contratando advogado para  acionar a TAM, exigir a reposição de seus bens e demonstrar, com seu gesto, a necessidade de todos nós nos mobilizarmos contra esse desrespeito e atitudes corriqueiras de uma companhia que escala,  nos porões de suas aeronaves,  verdadeiros saqueadores, piratas – como os batizou Julianna -,  da pior espécie,  qualificados para aumentar o volume de reclamações contra os desserviços prestados pela TAM.