Hiroshi Bogéa On line

Custos & Lucros

Reclamação de donos de gráficas registrada no Repórter Diário de que a Big Ben produz material gráfico de propaganda no Piauí poderia muito bem ser evitada caso os empresários de Belém do setor tivessem menos ganância. Em Teresina, a Gráfica Halley, do grupo Armazém Paraíba, oferece qualidade de primeiro mundo com preços até 35 % mais em conta. A diferença de custos em relação às gráficas de Belém é tão significativa que vale a pena pagar o frete entre Teresina e Belém.
Agências de publicidade buscam, cada vez mais, enxugamento de seus orçamentos pressionadas por seus clientes. É uma relação de via dupla. Não adianta piar. Nem apelar para Nossa Senhora de Nazaré.

Post de 

2 Comentários

  1. Hiroshi Bogéa

    26 de setembro de 2007 - 15:08 - 15:08
    Reply

    Parceiro, muitas agências já estão negociando com a Halley. ´De prima´ o material produzido ali. E a preço legal.
    Bom dia, amigo.

  2. Juvencio de Arruda

    26 de setembro de 2007 - 13:22 - 13:22
    Reply

    Na risca o post, Hiro.
    Desmontou a conversa fiada…rs

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *